Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Página 2 de 16 Anterior  1, 2, 3 ... 9 ... 16  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Marli Costa em Ter Maio 05, 2009 2:01 am

mauro josé ansolin escreveu:Com relação ao video podemos perceber que muitos de nós ficamos com receio de algo inovador. Esta a nossa frente e parece dificil no primeiro momento mas, com um pouco de ajuda e incentivo de pessoas ligadas ao setor as dificuldades ficam em segundo plano. Com isso nosso interesse em buscar algo melhor e atual se torna mais facil, tornando as nossas aulas,palestras,etc... mais motivantes. Pena que eu estou ainda com dificuldades mas estou na luta. "Sou Professor e não desisto nunca".

Concordo professor Mauro. Principalmente nós da área de Educação Física, muitas vezes nos apegamos em conteúdos e metologias que não são mais apropriadas e não abrimos para novas opções de ensino. Temos que ter capacidade e humildade para buscarmos novos metodologias e utilizar as tecnologias nas nossas aulas.
Abraço

Marli Costa

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Coméntario

Mensagem  marciamendezz em Ter Maio 05, 2009 2:01 am

mauro josé ansolin escreveu:Com relação ao video podemos perceber que muitos de nós ficamos com receio de algo inovador. Esta a nossa frente e parece dificil no primeiro momento mas, com um pouco de ajuda e incentivo de pessoas ligadas ao setor as dificuldades ficam em segundo plano. Com isso nosso interesse em buscar algo melhor e atual se torna mais facil, tornando as nossas aulas,palestras,etc... mais motivantes. Pena que eu estou ainda com dificuldades mas estou na luta. "Sou Professor e não desisto nunca".

Com certeza, precisamos nos renovar, e buscar ajuda das pessoas que tem mais conhecimento, claro o novo assusta mas, com um pouco de paciência, e persistência a gente chega lá...

marciamendezz

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Análise do vídeo

Mensagem  Margarete C. em Ter Maio 05, 2009 2:01 am

O vídeo apresenta uma realidade não muito diferente daquela que vivenciamos atualmente pois, percebe-se a resistência/medo ou dificuldade de muitos educadores lidarem com as novas tecnologias educacionais. Hoje em dia torna-se necessário a utilização de novas metodologias de ensino e novos recursos pedagógicos para motivar e despertar o interesse dos alunos pelos conteúdos a serem transmitidos.
Se realizarmos uma pesquisa constataremos que no processo de graduação a maioria dos educadores não tiveram em sua grade curricular a presença de disciplinas que tratassem da utilização da tecnologia.
Atualmente há a oferta de cursos de formação continuada para capacitar os educadores no uso das tecnologias presentes nas escolas porque sabemos que, fora da escola, nossos alunos fazem uso desses recursos e o professor no momento que for utilizá-las precisa dominá-las. Essa também é uma forma de modernizar o processo ensino-aprendizagem.

Margarete C.

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Análise do vídeo

Mensagem  Merediana Aparecida de Al em Ter Maio 05, 2009 2:02 am

O vídeo assistido mostra a relação entre o tradicional e o "novo", e como tudo o que é novo causa impacto e uma certa rejeição, na nossa prática educativa não seria diferente. Temos que nos adaptar e buscar o aperfeiçoamento neste processo tecnológico educacional. Essas mudanças estão ocorrendo em todos os segmentos da sociedade, é algo inacabado, um processo a longo prazo , onde a cada dia novos avanços surgirão fazendo com que a nossa busca pelo aprendizado seja constante.


Última edição por Merediana Aparecida de Al em Ter Maio 05, 2009 2:04 am, editado 1 vez(es)

Merediana Aparecida de Al

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vídeo Help-Desk

Mensagem  sueli em Ter Maio 05, 2009 2:02 am

eliana escreveu:O professor em primeiro lugar deve estar aberto a conhecer o novo, sendo assim ele tem mais segurança para passar para os alunos.
E sempre procurando introduzir a sua disciplina com os recursos tecnológicos disponíveis na escola, se atualizando e se aperfeiçoando.

Verdade, precisamos nos preparar para enfrentar essa nova geração que desde pequeno ja utiliza as tecnologias, mas com certeza as aulas são muito mais interessante, quando bem preparadas. Um grande abraço amiga. Laughing

sueli

Mensagens : 8
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

video tecnologias

Mensagem  lacics em Ter Maio 05, 2009 2:03 am

sueli escreveu:
Sobre esse vídeo, nada é além da nossa realidade, o fechamento para o novo ou talvez o medo de nâo conseguir, nem queremos tentar novas descobertas. Sabemos que nossos alunos estâo a todo pique em novas tecnologias e eles nâo têm medo de errar, por isso tem mais facilidade de adaptação as novas tecnologias. Sad

Concordo com você, muitos profissionais estão apreensivos diante das tecnologias. Há insegurança entre o saber pouco e o estudante saber muito. Porém não podemos esquecer que os educadores somos nós e por isso precisamos nos atualizar e acompanhar a realidade de nossa época, somente assim poderemos aprender com, ou seja, hoje não é apenas o professor que sabe, aprendemos com os alunos e eles conosco. sunny

lacics

Mensagens : 7
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Concordo...

Mensagem  aniltonc em Ter Maio 05, 2009 2:05 am

Regi escreveu:A primeira coisa a se destacar neste vídeo é a relação direta que o homem têm com o processo tecnológico, seja pela visualização de novas ferramentas/instrumentos (no período medieval, o livro - imprensa - e na atualidade, o computador, tv pendrive, pendrive, projetor de multimídia, etc) ou mesmo na tentativa de interagir com as mesmas na busca de novas informações e produção de conhecimento. A primeira impressão que se faz em relação à estes novos, é o campo de possibilidades que se efetiva ao seu dispor, da forma que se dispunha até o momento. A partir disso, o homem entra num questionamento enigmático em saber se pode ou não transpor o uso de tais ferramentas, sem entrar em fobias, resistências, medos, angústia que acompanham tais posturas. O problema do professor hoje nas escolas públicas do Estado do Paraná, creio que seja o paradoxo em necessitar se capacitar e consequentemente, apropriar-se destas novas tecnologias no auxílio significante na relação ensino-aprendizagem com o fato destas mesmas estarem "a sua volta" sem condições específicas e digo até, significativas para sua própria aprendizagem destas tecnologias da informação e própria prática em sala de aula. A Francisca colocou algo que creio ser fundamental nesta relação, de nós professores com estas tecnologias a nosso dispor: "Compreender os mecanismos de como podemos tornar estes recursos importantes na formação escolar de nossos alunos." Realmente ao passo que percebermos seu real valor para nós, inicialmente e posteriormente para o contexto escolar como um todo, nosso referencial tenderia a diferenciar o resultado final de nossas atividades cotidianas. "Novos olhares" sobre o cotidiano escolar, tendo como campo de possibilidades, o auxílio das tecnologias. Não de forma meramente paliativa ou até mesmo ilustrativa, para não ocorrer no erro de termos "analfabetos funcionais digitais", ou seja, sujeitos que possuem, que veem, que caracterizam as tecnologias sem o seu uso apropriada para nossos fins educacionais.
De forma divertida, recordamos os primeiros contatos que temos e tivemos com as tecnologias ao chegarem ao nosso meio. Nossas resistências ao novo, talvez seja o elemento mais pertinente nesta analogia. O medo de pegar, de ligar, de mexer, de quebrar, enfim, nossas fobias, ou como dizia o Nilton Rech, "tecnofobia".

Também acho que primeiro temos que perceber qual o valor das novas Tics pra nós, logo para o contexto escolar e então para os alunos. Logicamente não haverá sentido algum trabalhar com um recurso que eu não sei para que serve, como pode me ajudar. Daí a necessidade de estarmos em constante formação, em busca de capacitação. A resistência ao novo só vai retardar o processo, tornar o meu trabalho mais difícil. Aderir ao uso de meios que facilitem a tarefa de educar não me diminui, não me faz menos, ao contrário, me dá um impulso capaz de lançar-me nesta rede de informação da qual nossos alunos já fazem parte. Só precisamos auxiliá-los na tarefa de transformar informação em conhecimento.

aniltonc

Mensagens : 7
Data de inscrição : 28/04/2009
Idade : 48
Localização : Toledo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Análise do vídeo \

Mensagem  Queles C. em Ter Maio 05, 2009 2:06 am

O vídeo apresenta uma reflexão que ainda está em nossos dias, que é a resistência ao novo, pois precisamos aceitar as novas mudanças tecnológicas para buscar metodologias diferenciadas, pois com todas essas inovações ensinar tornou - se uma tarefa ainda mais complicada, portanto temos que nos aperfeiçoar para acompanhar o ensino aprendizagem.


Última edição por Queles C. em Ter Maio 12, 2009 3:31 am, editado 2 vez(es)

Queles C.

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

video

Mensagem  mauro josé ansolin em Ter Maio 05, 2009 2:07 am

Domenicio Ferreira Coelho escreveu:O vídeo por nós assistido tem uma relação muito próxima de nossa realidade. Nós professores estamos a alguns anos recebendo novas tecnologias para podermos melhorar nossas aulas e mesmo assim muitos se encontram “parados” esperando que alguém venha até nós e nos proporcionem o aprendizado necessário para trabalharmos com estas tecnologias (computadores, tv pendrive, multimídia, entre outros). Assim como veio o vídeo cassete e muitos não aprenderam a usar esta tecnologia, hoje percebemos que muitos não buscam saber por mero comodismo ou “medo do novo”, mostrando que se não formos buscar o conhecimento utilizando os recursos que estão a nosso alcance não iremos dominar os bons recursos que estes aparelhos têm a nos oferecer, diminuindo ou melhorando nossa atuação em sala de aula. Temos que iniciar, buscar e fazer para termos domínio destes recursos, pois muitos de nós em nossa formação acadêmica nem sonhava em um dia ter tantos mecanismos a disposição em sala de aula.

Concordo que muitos de nós temos receio do novo, no entanto colocar o computador, a televisão e agora também com a inclusão do aluno nas escolas sem dar condições aos professores fica difícil, por que "depois que inventaram o professor não existe mais culpados".

mauro josé ansolin

Mensagens : 4
Data de inscrição : 28/04/2009
Idade : 51
Localização : Toledo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Análise do video help desk

Mensagem  genario em Ter Maio 05, 2009 2:07 am

Acredito que este filme mostra claramente a dificuldade que as pessoas tem de lidar com o novo,com o diferente.Geralmente não gostamos de sair da rotina,de enfrentar novos desafios mas precisamosr acordar para o mundo e ver que temos que nos aperfeicoar para não ficarmos para tráz,também sabemos que o medo de errar nos poda de muita coisas. Mas temos que ter consciencia que temos que mudar alguns critérios nos permitindo erros e acertos pois é assim que o mundo evolui e as pessoas crescem.

genario

Mensagens : 6
Data de inscrição : 21/04/2009
Localização : Colégio estadual Ayrton senna

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Elena Piva em Ter Maio 05, 2009 2:08 am

marciasirlei escreveu:O que podemos relatar é que as novas tecnologias estão presentes no mundo que nos rodeia, seja na Escola, no Comércio e até mesmo nos momentos de lazer. Portanto faz-se necessário que cada indivíduo dentro da sua realidade busque a atualização e a melhor forma para que possa estar se interando com essa nova realidade. E nós como Educadores temos que acompanhar o desenvolvimento do mundo atual, porque os estudantes estão cada vez mais informados e atualizados. Analisando que os mesmos dispõem de tempo para isso, precisamos de alguma forma, dentro da nossa carga horária buscar um tempo para essa atualização.

Concordo plenamente com você. E acho que é isso que estamos fazendo né. Temos que ter, antes de tudo, vontade e coragem para aprender. : tongue

Elena Piva

Mensagens : 7
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Renata Brasao em Ter Maio 05, 2009 2:08 am

lacics escreveu:Ferramentas estão sempre sendo renovadas e aperfeiçoadas. Desde a época das cavernas elas vem se alternando. Primeiro eram usadas as rochas, papiro, argila, quadros, livros, entre tantos outros. As mídias atuais são apenas ferramentas e instrumentos para facilitar nossas 'tarefas' diárias. Imagine se ainda estivessemos na época de nossos avós? Nem caderno eles possuiam. Portanto, não podemos nos fechar diante desta ferramenta tão útil e dinâmica. Neste viés, a tecnologia deve ser um estímulo para superação de práticas já comuns e repetitivas. O medo não pode ser um obstáculo aos docentes, apesar de alguns de nós não ter vivenciado as metodologias de uso da tecnologia em sua formação, ainda não é tarde. Acredito que sempre devemos estar nos aperfeiçoando, estando num ambiente escolar ou não. Porém, como educadores temos a responsabilidade de acompanhar as transformações , caso contrário, onde ficará nosso papel de educadores? Precismaos ensinar tendo em vista o ontem, hoje e amanhã, não podemos ficar no passado. What a Face

Prof. concordo com a sua analise pois como educadores precisamos sempre buscar conhecer as tecnologias, e através dela buscar nos aperfeiçoar, compreender e acompanhar as transformações que permeiam nosso tempo. I love you

Renata Brasao

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  GILSON em Ter Maio 05, 2009 2:09 am

O vídeo procura passar a idéia de como ocorre a transição entre algo que a muitos anos era feito de uma mesma maneira e passou por mudanças, no caso o livro. A palavra 'mudança" causa resistência em grande parte das pessoas. Para aprender algo novo é preciso enfrentar desafios de voltar a sala de aula, fazer um curso, etc. Para muitas pessoas isto se torna trabalhoso demais, pois o cérebro está tão condiocionado a fazer da mesma forma que a pessoa acaba "estacionando", enquanto as mudanças ocorrem a sua volta. As mudanças ocorrem a todo momento nesse campo e o mais importante é que todos tenham acesso a elas, sem restrição. É nesse sentido que devemos ter um posicionamento firme e exigir cursos, treinamentos, palestras sobre esse tema.

GILSON

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/04/2009
Idade : 40

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem  edineia maria barbosa em Ter Maio 05, 2009 2:11 am

O vídeo é bem bolado, e mostra uma realidade antiga que mesmo sem a tecnologia que nós temos hoje(Tv.pendrive, multimídia,site,etc) eles também tinham muita sisma, ou seja, medo do novo. Na época dos Jesuitas se escrevia na areia, depois no pergaminho, entre outras coisas. Quando chegou o livro teve o grande susto, o medo do que não conhecia. Então o monge queria um manual de instrução. Hoje tudo é diferente, temos nossas duvidas, mas não podemos desistir e sempre procurar ajuda.javascript:emoticonp('Rolling Eyes')

edineia maria barbosa

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009
Localização : Tupassi

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Elenoir Zeferino Custodio em Ter Maio 05, 2009 2:11 am

Zelinda escreveu:Sempre que nos confrontamos com novas tecnologias existe uma tendência natural a resistência, mas é presciso quebrar os paradigmas, abrir novos horizontes aceitar o novo, mesmo que o velho paressa insubistituivel pois não se pode parar no tempo. é preciso acompanhar as mudanças, se atualisar para nos tornar cada vez melhores profissionais.

Concordo com você. Ensinar com as novas mídias será uma revolução,se mudarmos simultaneamente os paradigmas convencionais no ensino, que mantêm distântes professores e alunos.


Última edição por Elenoir Zeferino Custodio em Ter Maio 05, 2009 2:18 am, editado 1 vez(es)

Elenoir Zeferino Custodio

Mensagens : 7
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Maria Aparecida dos Santo em Ter Maio 05, 2009 2:13 am

Elena Piva escreveu:O vídeo mostra que tudo que é novo causa um certo receio de enfrentar. É exatamente o que estamos vivenciando na educação. Acontece que sabemos que nossos alunos têm muito mais facilidade com o computador do que nós docentes, por isso,é preciso estarmos bem preparados, é preciso ter vontade de enfrentar novos desafios.

O vídeo foi bastante interessante e mostrou que tudo que é novo nos causa um certo espanto.Pois é a nossa realidade ,pois os alunos tem muito mais facilidades de mexer com essas tecnologias e não tem medo de errar.Já nos professores temos um certo receio,por isso temos que nos prepararmos bem,fazendo cursos e procurando vencer esses desafios que as tecnologias estão nos propondo.

Maria Aparecida dos Santo

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Zelinda em Ter Maio 05, 2009 2:15 am

Renata Brasao escreveu:O vídeo apresenta de forma criativa a grande resistência que temos ao que aos nossos olhos é novo, ao que não conhecemos ou até mesmo não dominamos.
Romper com o tradicional é algo ainda hoje difícil, seja qual for o profissional ou a sua área, pois o romper com o tradicional significa uma desconstrução e uma reconstrução de idéias e práticas que poderão contribuir de forma efetiva para a sua vida.
flower





Renata concordo com você, romper barreiras significa admitir que teremos que aprender algo novo, e aprender exige tempo,esforço e as vezes é melhor, mis comodo insistir no que ja dominamos, por isso existe tanta resistências em romper barreiras, aderir ao novo, mas como você colocou se esistirmos ao novo nunca iremos aprender coisas novas.

Zelinda

Mensagens : 6
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comentario

Mensagem  Margarete C. em Ter Maio 05, 2009 2:17 am

Zelinda escreveu:Sempre que nos confrontamos com novas tecnologias existe uma tendência natural a resistência, mas é presciso quebrar os paradigmas, abrir novos horizontes aceitar o novo, mesmo que o velho paressa insubistituivel pois não se pode parar no tempo. é preciso acompanhar as mudanças, se atualisar para nos tornar cada vez melhores profissionais.

Professora Zelinda concordo que é difícil aceitar as mudanças e acreditar que elas vão contribuir para o sucesso da educação. As novas tecnologias estão adentrando novos espaços e precisamos nos preparar para utilizá-las da maneira correta. Pode ser díficil no início mas, com o passar do tempo nos acostumamos.

Margarete C.

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  marciasirlei em Ter Maio 05, 2009 2:19 am

Elena Piva escreveu:O vídeo mostra que tudo que é novo causa um certo receio de enfrentar. É exatamente o que estamos vivenciando na educação. Acontece que sabemos que nossos alunos têm muito mais facilidade com o computador do que nós docentes, por isso,é preciso estarmos bem preparados, é preciso ter vontade de enfrentar novos desafios.



Professora Elena:
Para estarmos bem preparados precisamos dispor de boa vontade e ajustar da melhor forma possível o nosso tempo.

marciasirlei

Mensagens : 8
Data de inscrição : 05/05/2009
Localização : Toledo - Augustinho Donin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Comentário

Mensagem  Merediana Aparecida de Al em Ter Maio 05, 2009 2:19 am

Margarete C. escreveu:O vídeo apresenta uma realidade não muito diferente daquela que vivenciamos atualmente pois, percebe-se a resistência/medo ou dificuldade de muitos educadores lidarem com as novas tecnologias educacionais. Hoje em dia torna-se necessário a utilização de novas metodologias de ensino e novos recursos pedagógicos para motivar e despertar o interesse dos alunos pelos conteúdos a serem transmitidos.
Se realizarmos uma pesquisa constataremos que no processo de graduação a maioria dos educadores não tiveram em sua grade curricular a presença de disciplinas que tratassem da utilização da tecnologia.
Atualmente há a oferta de cursos de formação continuada para capacitar os educadores no uso das tecnologias presentes nas escolas porque sabemos que, fora da escola, nossos alunos fazem uso desses recursos e o professor no momento que for utilizá-las precisa dominá-las. Essa também é uma forma de modernizar o processo ensino-aprendizagem.

Toda aprendizagem exige o estudo pelo que se quer aprender, no que se refere à tecnologia na educação, o assunto é ainda mais complexo, pois se exige um conhecimento a mais, ou seja por se tratar de algo "novo" a dificuldade é muito maior. A busca por essa aprendizagem se torna de certa forma urgente, exigindo mais dos profissionais da educação, que até então estavam acostumados com práticas muito aquém das que estamos vivenciando atualmente.

Merediana Aparecida de Al

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  marciasirlei em Ter Maio 05, 2009 2:19 am

Elena Piva escreveu:O vídeo mostra que tudo que é novo causa um certo receio de enfrentar. É exatamente o que estamos vivenciando na educação. Acontece que sabemos que nossos alunos têm muito mais facilidade com o computador do que nós docentes, por isso,é preciso estarmos bem preparados, é preciso ter vontade de enfrentar novos desafios.



Professora Elena:
Para estarmos bem preparados precisamos dispor de boa vontade e ajustar da melhor forma possível o nosso tempo.

marciasirlei

Mensagens : 8
Data de inscrição : 05/05/2009
Localização : Toledo - Augustinho Donin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Queles C. em Ter Maio 05, 2009 2:20 am

Maria Aparecida dos Santo escreveu:Tudo o que é novo assusta no começo mas para quebrar esse medo temos que enfrentar,mesmo sabendo que não vai ser fácil.Temos que arrumar tempo para buscar esses conhecimentos que vem através das tecnologias.Pois a clientela com quem estamos lidando usamm muito desses meios tecnológicos .Temos que sair do tradicional isso só podemos fazer quando fizermos o uso dos recursos tecnológicos que temos na escola.

Professora Maria concordo com à sua citação pois tudo que é novo nos transmite uma sensação diferente,mas não podemos nos acomodar, e buscar alternativas e recursos para os nossos objetivos.

Queles C.

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  edineia maria barbosa em Ter Maio 05, 2009 2:33 am

lacics escreveu:
sueli escreveu:
Sobre esse vídeo, nada é além da nossa realidade, o fechamento para o novo ou talvez o medo de nâo conseguir, nem queremos tentar novas descobertas. Sabemos que nossos alunos estâo a todo pique em novas tecnologias e eles nâo têm medo de errar, por isso tem mais facilidade de adaptação as novas tecnologias. Sad

Concordo com você, muitos profissionais estão apreensivos diante das tecnologias. Há insegurança entre o saber pouco e o estudante saber muito. Porém não podemos esquecer que os educadores somos nós e por isso precisamos nos atualizar e acompanhar a realidade de nossa época, somente assim poderemos aprender com, ou seja, hoje não é apenas o professor que sabe, aprendemos com os alunos e eles conosco. sunny


É isso mesmo, para os nossos alunos é tudo mais fácil, já que os mesmos não tem medo de nada por isso eles tem mais facilidade e nós devemos fazer o mesmo. O objetivo é nunca desistir.

edineia maria barbosa

Mensagens : 5
Data de inscrição : 28/04/2009
Localização : Tupassi

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  genario em Ter Maio 05, 2009 4:54 am

mauro josé ansolin escreveu:
Domenicio Ferreira Coelho escreveu:O vídeo por nós assistido tem uma relação muito próxima de nossa realidade. Nós professores estamos a alguns anos recebendo novas tecnologias para podermos melhorar nossas aulas e mesmo assim muitos se encontram “parados” esperando que alguém venha até nós e nos proporcionem o aprendizado necessário para trabalharmos com estas tecnologias (computadores, tv pendrive, multimídia, entre outros). Assim como veio o vídeo cassete e muitos não aprenderam a usar esta tecnologia, hoje percebemos que muitos não buscam saber por mero comodismo ou “medo do novo”, mostrando que se não formos buscar o conhecimento utilizando os recursos que estão a nosso alcance não iremos dominar os bons recursos que estes aparelhos têm a nos oferecer, diminuindo ou melhorando nossa atuação em sala de aula. Temos que iniciar, buscar e fazer para termos domínio destes recursos, pois muitos de nós em nossa formação acadêmica nem sonhava em um dia ter tantos mecanismos a disposição em sala de aula.

Concordo que muitos de nós temos receio do novo, no entanto colocar o computador, a televisão e agora também com a inclusão do aluno nas escolas sem dar condições aos professores fica difícil, por que "depois que inventaram o professor não existe mais culpados".
concordo com sua pensamento pois como educadores temos que estar nos aperfeicoando constantemente para fazer da tecnologia uma aliada e não um problema

genario

Mensagens : 6
Data de inscrição : 21/04/2009
Localização : Colégio estadual Ayrton senna

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

vídeo

Mensagem  verascherer em Sex Maio 08, 2009 4:21 am

Talvez chamaria de "o medo do novo, o medo de errar!" Quando estamos habituados e pensamos que dominamos uma situação e nos colocam frente a uma possibilidade nova, mesmo sabendo da importância, a primeira reação é de medo ou de negação... Precisamos de alguém para nos encorajar e dizer: arrisque, tente... e, mais seguros, tentamos e passamos a experimentar... e a partir daí, quando sentimos que podemos e que nada de ruim aconteceu, que ficamos mais preparados, passamos a utilizar e... de repente já estamos familiarizados e utilizando como se fosse aquela anterior....

verascherer

Mensagens : 12
Data de inscrição : 08/05/2009
Localização : Toledo - Col. Est. Dr. João Cândido Ferreira

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise do vídeo "Medieval Help-Desk"

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 16 Anterior  1, 2, 3 ... 9 ... 16  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum